Para quem, quando e como realizar o teste rápido de COVID-19?

DATA DE PUBLICAÇÃO

25/05/2020

RESUMO

O teste rápido da COVID-19 é capaz de detectar a presença de anticorpos (IgG e IgM) que são produzidos pelas células de defesa do corpo humano contra o SARS-CoV-2 após o contato com vírus, por meio da coleta de uma gota de sangue.

O Manual de Manejo Clínico do novo Coronavírus recomenda que a realização de testes sorológicos de detecção do SARS-Cov-2 nos pontos das Redes de Atenção à Saúde, e que sejam progressivamente incluídos na rotina de testagem de pessoas sintomáticas dos seguintes grupos:

●     Profissionais de saúde e segurança pública em atividade, seja da assistência ou da gestão;

●     Pessoa que resida no mesmo domicílio de um profissional de saúde e segurança pública em atividade;

●     Pessoa com idade igual ou superior a 60 anos;

●     Portadores de condições de risco para complicações da COVID-19;

●     População economicamente ativa com idade entre 15 e 59 anos.

Por se tratar de um teste de detecção de anticorpos, é necessário que ele seja realizado após o sétimo dia do início dos sintomas. A execução do teste e leitura dos resultados deve ser realizada por profissionais da saúde de nível médio, com supervisão, e/ou de nível superior. O resultado é verificado após 15 minutos da realização do teste, mas o teste rápido isoladamente não confirma nem exclui completamente o diagnóstico da COVID-19.

ASSUNTO(S)

infecções por coronavirus testes laboratoriais

Documentos Relacionados