Infecção de sítio cirúrgico após cirurgia bariátrica: resultados de uma abordagem com pacote de cuidados.

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Col. Bras. Cir.

DATA DE PUBLICAÇÃO

09/09/2019

RESUMO

RESUMO Objetivo: apresentar uma análise descritiva dos resultados de um pacote de cuidados aplicado em pacientes obesos submetidos à cirurgia bariátrica, no que diz respeito ao controle de infecção. Métodos: um pacote de cuidados foi estruturado, visando a conter as taxas de infecção de sítio cirúrgico (ISC) em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica. O pacote incluiu interrupção de tabagismo, banho com clorexidina 4% duas horas antes da cirurgia, cefazolina 2g em bolus na indução anestésica associada à administração da mesma droga com dose de 1g em infusão contínua, tricotomia apropriada, controle glicêmico, oxigênio suplementar, normotermia, controle da dor com morfina intrarraquidiana e remoção do curativo estéril 48 horas após a cirurgia. Todos os pacientes foram seguidos por 30 dias. Resultados: entre os 1.596 pacientes incluídos, 334 (20,9%) foram submetidos à cirurgia aberta e 1.262 (79,1%) à cirurgia videolaparoscópica. As taxas de ISC foram de 0,5% no grupo submetido à cirurgia laparoscópica e de 3% nos submetidos à cirurgia aberta. A incidência geral de ISC foi de 1%. Infecções intra-abdominal, do trato respiratório e do trato urinário ocorreram em 0,9%, 1,1% e 1,5% da amostra, respectivamente. Faixas mais elevadas de índice de massa corporal foram associadas a maiores incidências de ISC (p=0,001). Entre os pacientes com diabetes, 2,2% desenvolveram ISC, enquanto a taxa de infecção entre os não diabéticos foi de apenas 0,6%. Conclusão: o pacote de cuidados instituído, estruturado por estratégias centrais baseadas em evidências, associadas à medidas secundárias, foi capaz de manter baixas taxas de ISC após cirurgia bariátrica.ABSTRACT Objective: to present a descriptive analysis of the results of a care bundle applied to obese patients submitted to bariatric surgery, regarding infection control. Methods: a care bundle was designed to control surgical site infection (SSI) rates in patients undergoing bariatric surgery. The bundle included smoking cessation, bathing with 4% chlorhexidine two hours before surgery, cefazolin (2g bolus) in anesthetic induction associated with a continuous infusion of the same drug at a dose of 1g over a two-hour period, appropriate trichotomy, glycemic control, supplemental oxygen, normothermia, intraspinal morphine for the relief of pain, and sterile dressing removal 48 hours after surgery. All patients were followed up for 30 days. Results: among the 1,596 included patients, 334 (20.9%) underwent open surgery and 1,262 (79.1%) underwent videolaparoscopic surgery. SSI rates were 0.5% in the group submitted to laparoscopic surgery and 3% in the one submitted to open surgery. The overall incidence of SSI was 1%. Intra-abdominal, respiratory tract, and urinary tract infections occurred in 0.9%, 1.1%, and 1.5% of the sample, respectively. Higher body mass index was associated with higher incidence of SSI (p=0.001). Among patients with diabetes, 2.2% developed SSI, while the rate of infection among non-diabetics was only 0.6%. Conclusion: the established care bundle, structured by core evidence-based strategies, associated with secondary measures, was able to maintain low SSI rates after bariatric surgery.

Documentos Relacionados

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo