Efeito de doses de paclobutrazol na cultura do alho

Autor Principal: Resende,Geraldo Milanez de
Outros Autores: Souza,Rovilson José de
Tipo: Artigo
Idioma: Português
Publicado em: Pesquisa Agropecuária Brasileira 20020501
Assuntos:
Link Texto Completo: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2002000500008
Saved in:
O trabalho foi realizado no período de maio a outubro de 1991 no campo experimental do setor de olericultura da Ufla, Lavras, MG, com o objetivo de avaliar a influência de doses de paclobutrazol sobre o controle do pseudoperfilhamento e nas características morfológicas e comerciais do alho (Allium sativum L.).

Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro doses de paclobutrazol (0, 500, 1.000 e 1.500 mg de i.a.

L-1), em cinco repetições.

Com o aumento das concentrações de paclobutrazol, houve uma redução na altura das plantas e no número de folhas por planta aos 60 e 90 dias após o plantio.

A produtividade total e comercial de bulbos apresentou efeito significativo em relação às doses de paclobutrazol, sendo as concentrações de 725 e 778 mg L-1 as que proporcionaram as maiores produtividades.

A porcentagem de bulbos pseudoperfilhados evidenciou efeito quadrático com o incremento das doses de paclobutrazol, cuja concentração de 1.163 mg L-1 propiciou maior redução na porcentagem de pseudoperfilhamento.

A concentração de 744 mg L-1 de paclobutrazol proporcionou o maior peso médio de bulbo; e em relação a número de bulbilhos por bulbo, não se verificaram diferenças significativas entre os tratamentos.